O papel da reciclagem química no combate ao desperdício de plástico

25Nov21

A reciclagem química pode ser uma das soluções para o problema do desperdício de plástico. Sabia que 85% dos milhões de toneladas recolhidos anualmente na Europa acabam em aterros sanitários ou são incinerados?

A reciclagem mecânica, utilizada de forma comum, é importante para a preservação do meio ambiente. No entanto, não é um processo totalmente eficaz, já que existem produtos considerados contaminados ou mistos que não podem ser reciclados mecanicamente. Este desperdício é uma fonte de emissões de dióxido de carbono, e representa também desperdício de recursos valiosos. Para que sejam cumpridos os objetivos ambientais do Green New Deal, é necessário que uma quantidade muito superior do plástico desperdiçado seja reciclado.

 

A  reciclagem química consiste numa tecnologia que permite transformar plásticos em matérias primas secundárias e produzir novos químicos e plásticos, contribuindo para a economia circular e aumentando a eficiência de recursos. Assim, aliada à reciclagem mecânica, pode ser um elemento chave para o combate à entrada do desperdício de plástico no meio ambiente, especialmente a poluição de plástico nos oceanos.

 

Hoje em dia, existem já alguns tipos de produtos que é possível desenvolver a partir de materiais reciclados quimicamente, como partes de frigoríficos, colchões e embalagens. No futuro, esta tecnologia poderá ser utilizada a nível industrial.




 

Referências:

https://cefic.org/media-corner/newsroom/chemical-recycling-is-a-complementary-solution-to-tackle-plastic-waste/

https://cefic.org/a-solution-provider-for-sustainability/chemical-recycling-making-plastics-circular/

https://cefic.org/app/uploads/2020/03/Cefic-Position-Paper-on-Chemical-Recycling.pdf


 

Photo by Sigmund on Unsplash